25/05/2024 +55 (83) 988111301

Manchetes

frente portal

Primeira equipe de bombeiros retornam a MS após salvarem mais de mil vidas das enchentes do RS

.

Por Jr Blitz 16/05/2024 às 20:23:47
O grupo de 10 militares foram substituídos por outros agentes, entre eles, a cadela Laika. Égua isolada dentro de apartamento do 3º andar em prédio de São Leopoldo e depois resgatada pelos bombeiros

Pietro Oliveira/RBS TV

A primeira equipe do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul que viajou para o Rio Grande do Sul, voltou para casa nesta quinta-feira (16), após 10 dias de atuação. Ao todo, 639 pessoas e 618 animais foram salvos pelos nove militares durante a missão, somando 1.257 vidas resgatadas.

? Clique aqui para seguir o canal do g1MS no WhatsApp

Os bombeiros sul-mato-grossenses também participaram de 715 ações humanitárias no período em que estiveram nas cidades afetadas pelas fortes chuvas, no Rio Grande do Sul.

Conforme a corporação, os oficiais chegaram em São Leopoldo (RS), uma das cidades mais devastadas pela enchente, na noite de 4 de maio e iniciaram os trabalhos logo nas primeiras horas do dia seguinte. Eles atuaram no local até o dia 13.

Idosa canta clássico gaúcho com militares de MS, enquanto é resgatada em RS

Um dos resgates realizados pela equipe foi o de uma égua, que estava presa no 3º andar de um prédio residencial em São Leopoldo, e precisou ser içada pela janela. (Veja imagem no início da matéria)

Uma recepção para os militares foi programada para a noite desta quarta, no quartel do 1º Grupamento de Bombeiros Militar da avenida Costa e Silva.

LEIA TAMBÉM

Idosa de 91 anos canta clássico gaúcho com militares durante resgate de enchente no RS; veja vídeo

Equipe de MS composta por bombeiros e cadela Laika fazem resgates a vítimas de enchentes e desabamentos no RS

Revezamento: Os oficiais que retornaram foram substituídos por outros nove militares, que já estão em terra gaúcha desde o dia 11. Entre os bombeiros, está a cadela Laika, especialista em salvamento e resgate. Só hoje, o grupo já resgatou 11 pessoas na cidade de São Leopoldo.

Laika e a equipe do Corpo de Bombeiros Militar, representando o Mato Grosso do Sul nos resgates

CBMMS/Divulgação

A previsão é de que que eles permaneçam por 10 dias no local, totalizando 20 dias de apoio ininterrupto do CBMMS às vítimas das enchentes e inundações no Rio Grande do Sul.

Veja vídeos de Mato Grosso do Sul:

Fonte: G1

Comunicar erro
Comentários

Queremos Saber!

Qual seria seu candidato para prefeito de Bayeux ?