17/04/2021 +55 (83) 988111301

Cidades

frente

Em 5 meses, 10 mil trabalhadores são afastados das atividades por problemas de saúde, na PB

Por Jr Blitz 07/04/2021 às 16:39:25
Segundo dados do INSS, foram pelo menos 961 requisições de auxílio-doença na Paraíba, por problemas psicológicos, aposentadoria por invalidez e auxílio-doença por acidente do trabalho, durante o período. Em 5 meses, 10 mil trabalhadores são afastados das atividades por problemas de saúde na Paraíba

Ascom/MPT-PB.

O Ministério Público do Trabalho da Paraíba (MPT-PB) divulgou, nesta quarta-feira (7), que cerca de 10 mil paraibanos foram afastados das suas atividades de trabalho por problemas de saúde, em apenas 5 meses. Dentre esses, 10% foram acometidos por doenças psicológicas e por Covid-19. De acordo com dados do INSS, pelo menos 961 requisições de auxílio-doença foram realizadas na Paraíba, por doenças psicológicas, aposentadoria por invalidez e auxílio-doença por acidente do trabalho, de novembro de 2020 a 26 de março deste ano. Uma média de 6 requisições por dia.

Adoecimento mental é a 3ª maior causa de afastamento do trabalho em João Pessoa, aponta Cerest

Em um ano de pandemia, o MPT recebeu 41.729 denúncias de irregularidades trabalhistas relacionadas à Covid-19 no país, das quais 1.311 foram feitas na Paraíba, no período de março de 2020 a 29 de março deste ano. O alto índice de adoecimento mental é um dos temas que preocupa o Ministério Público do Trabalho (MPT) e estará em discussão durante o Abril Verde, mês de prevenção de acidentes e doenças relacionadas ao trabalho.

Segundo dados do Observatório de Segurança e Saúde no Trabalho, doenças e acidentes relacionados ao trabalho geraram gastos estimados em R$ 1 bilhão, de 2012 a 2018, na Paraíba. De acordo com a plataforma, os últimos dados mostram mais de 6,2 mil notificações de acidentes de trabalho e doenças relacionadas, somente no ano de 2018, uma média de 16 casos por dia.

Vídeos mais assistidos do G1 Paraíba

Fonte: G1 - Paraíba

Comunicar erro
Comentários