Blitz Paraiba

leia mais:

Comissão Processante adia parecer sobre cassação de Luiz Antônio por ausência de membro

Este segundo pedido de cassação que tramita na Câmara analisa as denúncias de que o prefeito interino teria cobrado R$ 100 mil de propina a um empresário de Bayeux.

A sessão que deveria acontecer na tarde desta quinta-feira (22) foi adiada devido à ausência do vereador Adriano Martins (Foto: Reprodução)

A Comissão Processante que analisa o segundo pedido de cassação do prefeito interino de Bayeux na Câmara Municipal adiou mais uma vez a sessão para apresentar o parecer final da denúncia. A sessão que deveria acontecer na tarde desta quinta-feira (22) foi adiada devido à ausência do vereador Adriano Martins, que é membro da Comissão.

O relator da comissão é o vereador Cabo Rubem, que integra o PSB e recebeu reclamações do partido por ter votado contra a cassação de Luiz Antônio no primeiro processo analisado. De acordo com o presidente do PSB na Paraíba, Edvaldo Rosas, o conselho de ética do partido deverá avaliar o caso para aplicar as devidas punições e investigar até se houve infidelidade partidária.

Este segundo pedido de cassação que tramita na Câmara analisa as denúncias de que o prefeito interino teria cobrado R$ 100 mil de propina a um empresário de Bayeux para ajudar a derrubar o prefeito Berg Lima do cargo.

Não foi definida uma nova data para que o relatório fosse apresentado. O presidente da comissão, Uedson Orelha, mandou o processo ao presidente da câmara por conta das ausências injustificadas dos membros. O parecer deveria ter sido apresentado na última segunda-feira (19), mas a reunião foi adiada para hoje também devido a ausências.

ClickPB/BlitzParaiba

0 Comentários

Deixe o seu comentário!