Blitz Paraiba

leia mais:

PT-PB anula convenção em Cabedelo que apoiou candidatura de Eudes

Segundo o presidente do PT-PB, Jackson Macêdo, a instância municipal não cumpriu o que determina o estatuto partidário

urna eletrônica. Foto: Nelson Jr./ ASICS/TSE

A Executiva Estadual do Partido dos Trabalhadores na Paraíba, reunida nesta quarta-feira (16), deliberou pela anulação da convenção do partido na cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa, que apoiou a candidatura do vereador Eudes (PTB) à Prefeitura da cidade. Desta vez, o PT aprovou o apoio político à candidatura do PSOL e PCdoB, encabeçada por Marcos Patrício, nas eleições suplementares marcadas para o próximo mês de março.

Segundo o presidente do PT-PB, Jackson Macêdo, a instância municipal não cumpriu o que determina o estatuto partidário  no que diz respeito às regras estabelecidas para a definição da tática eleitoral em eleições municipais.

“A direção estadual deve resguardar o nosso estatuto partidário e a definição em Cabedelo não obedeceu um calendário mínimo de debates e discussões com os filiados” disse Macêdo.

Ainda, segundo o presidente estadual, os últimos acontecimentos políticos na cidade portuária e as composições eleitorais construídas para o pleito suplementar levam o partido a construir junto com o PSOL e PCdoB uma frente de esquerda para o pleito.

“Para a direção estadual é muito importante a manutenção de uma frente política de esquerda e em defesa da democracia nestas eleições. O Brasil vive um período de instabilidade democrática e é nossa obrigação construir trincheiras com aquelas forças que estão conosco na luta por democracia e justiça social no Brasil”, finalizou.

Nesta quinta-feira (17), a direção estadual do PT informará ao Tribunal Regional Eleitoral sobre a deliberação da instância sobre as eleições na cidade de Cabedelo.

Portal Correio/BlitzParaiba

0 Comentários

Deixe o seu comentário!