Blitz Paraiba

leia mais:

Pedido de impeachment de Berg Lima entra na fase final e comissão começa a ouvir testemunhas

Se fosse futebol diria que estamos na semifinal”, declarou o vereador Jefferson Kita (PSB), presidente da Comissão

Os depoimento das testemunhas de acusação contra Berg Lima acontecem amanhã na sede da Câmara (Foto: Walla Santos)

A Comissão Processante da Câmara Municipal de Bayeux instalada para analisar pedido de cassação do prefeito afastado Berg Lima (sem partido), inicia nesta quarta-feira (6) a penúltima etapa, com depoimentos de três testemunhas de acusação. Na sessão seguinte, serão ouvidas as testemunhas de defesa.

“Se fosse  futebol diria que estamos na semifinal”, declarou o vereador Jefferson Kita (PSB), presidente da Comissão.

De acordo com ele, a primeira testemunha a prestar depoimento será o empresário João Paulino, fornecedor de quentinhas à Prefeitura e responsável pela gravação do vídeo em que Berg Lima supostamente tenta receber propina de R$ 3.500.

Após os depoimentos de acusação e defesa, a Comissão vai elaborar um relatório que se aprovado o pedido de impeachment será encaminhado ao plenário da Casa quem deve dar um veredicto sobre o futuro político de Berg Lima.

Kita não sabe ainda quando os trabalhos serão concluídos, “Estamos na penúltima etapa”, disse.

Berg Lima foi preso no dia 5 de julho último numa ação controlada do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), órgão do MPPB, e da Polícia Civil, após receber dinheiro de um empresário para assegurar supostamente o pagamento por serviços prestados ao município.

Após cinco meses preso no V Batalhão da Polícia Militar, em João Pessoa, Berg Lima foi libertado graças a um habeas corpus concedido pelo Superior Tribunal de Justiça. O prefeito, no entanto, foi impedido de retornar ao cargo.

ClickPB/Blitzparaiba

0 Comentários

Deixe o seu comentário!