Blitz Paraiba

leia mais:

Tecnologia para vistoria veicular elimina 100% de fraudes na Paraíba

O Estado é um dos únicos que não registra, há 4 anos, nenhum processo por erros na vistoria veicular.

De acordo com os dados do Detran-PB já foram realizadas mais de 91 mil vistorias com o sistema (Foto: Divulgação)

Os donos dos mais de 740 mil automóveis registrados na Paraíba que passaram por vistorias do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) recentemente, podem ficar sossegados, pois o Estado é um dos únicos que não registra, há 4 anos, nenhum processo por erros na vistoria veicular, o que é considerado um índice muito satisfatório.

Um processo costuma acontecer quando o veículo inspecionado recebe a aprovação do Detran regional, mas posteriormente é identificada alguma violação, como chassi ou motor adulterado ou indícios de fraudes e validação da autenticidade do veículo.

O sucesso na Paraíba é resultado de uma avançada tecnologia que promove uma verdadeira varredura nos veículos que chegam para o serviço. Trata-se do Scanvin, sistema da empresa norte americana Himni, com sede em Nova York e unidade operacional no Brasil.

De acordo com os dados do Detran-PB já foram realizadas mais de 91 mil vistorias com o sistema. A tecnologia funciona como uma espécie de drone que, com uma microcâmera, faz a leitura espectral de imagens, gera informações para um programa de inteligência artificial que recolhe, analisa os dados de cada parte do veículo e então produzir o laudo da vistoria.

“A tecnologia da câmera e a inteligência do sistema detectam o que não é possível enxergar com o olho humano, por isso o sucesso do procedimento de vistoria há 4 anos na Paraíba”, explica Alex Garcia, CEO da Himni Tecnologia.

O uso da tecnologia de ponta evita dor de cabeça para o consumidor e elimina os principais casos de processo, uma vez que o sistema identifica fraudes nos veículos em poucos minutos, garantindo também a agilidade para a vistoria da frota já existente no RN e para os novos veículos que entrarão no mercado.

ClickPB/BlitzParaiba

0 Comentários

Deixe o seu comentário!